Com clipe na Bahia, "Gente Bonita" é o 1º single de Fióti a ser lançado.

EP ganha as ruas em maio; faixa está disponível no iTunes e plataformas de streaming

Com o single “Gente Bonita”, disponível a partir de hoje nas plataformas digitais e com clipe que acaba de ser lançado em seu site oficial, Fióti faz hoje sua estreia na música em sua essência: como cantor e instrumentista.

Isso não significa nem de longe que estamos falando de um novato no ramo. Dono do bem-sucedido selo musical independente Laboratório Fantasma - que comemora 7 anos em 2016 -, irmão e empresário de Emicida, responsável também pelo agenciamento da carreira do rapper Rael, Fióti coleciona, com apenas 27 anos, muitos êxitos no lado do “business”.

Um disco era um sonho de infância, desde a época das aulas de violão. Ironia do destino, a rotina atribulada de empresário de sucesso foi a responsável por adormecê-lo. No final de 2015, no entanto, o EP “Gente Bonita” começou a sair do plano das ideias.

Enquanto não chega 20 de maio, data do lançamento do trabalho, a faixa homônima, numa mistura envolvente de baião com forró, kizomba e ijexá, entre outros ritmos, já dá uma mostra do que está por vir. A canção é uma parceria de Fióti com Emicida e está guardada desde 2008, predestinada: Passei anos insistindo para que ele gravasse essa música, pois é simples, linda e tem uma letra poderosa demais. Ele sempre enfatizou: ‘Você vai gravar no seu disco!’. Para produzi-la convidei Maurício Fleury, que sempre me perguntava: ‘E aí, Fióti, quando vai gravar um disco? Você tem o maior vozeirão’. Eu dizia: ‘Vai chegar esse dia e aí eu te chamo’, conta Fióti.

Completam o time da faixa Zé Nigro (baixo), Serginho Machado (bateria), Rômulo Nardes e Sivuca (percussão) e Firmino (metais).

Música pronta, o encontro com diretor Henrique Alqualo, parceiro de outros trabalhos, para o clipe, também fluiu naturalmente. “Henrique viu uma postagem minha em uma rede social e me escreveu dizendo que queria fazer o clipe. Ele falou que ia para Salvador e estava ‘amarrado’ em gravar algo lá. Henrique é um baita diretor e lá eu percebi que a música já tinha chegado ao lugar certo.”

O clipe está disponível em fiotioficial.com, e o single nas principais plataformas de streaming. Nesta sexta-feira, tem início a pré-venda exclusiva do EP. No iTunes, quem comprar ganha o single. Na loja virtual da Laboratório Fantasma, a compra da versão física dá direito a brindes especiais.

 

FIÓTI NA INTERNET

Twitter: @fioti1783

Instagram: @evandrofioti

Facebook: Fiotioficial

SnapChat: evandrofioti

www.fiotioficial.com

 

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO DISPONÍVEIS PARA DOWNLOAD

Crédito: Ênio Cesar

 

Sobre Henrique Alqualo

Há 12 anos, o mineiro Henrique Alqualo atua no mercado de cinema e vídeo no Rio de Janeiro e em São Paulo. Registrou a turnê de Caetano Veloso e Gilberto Gil pela Europa e América do Sul no ano passado e, no início de abril, viaja para filmar a nova etapa da turnê, pela América do Sul, Estados Unidos e Europa. Os registros darão origem ao documentário “Dois Amigos um Século de Música”, que ele está dirigindo . Henrique também dirigiu e editou recentemente os DVDs “Dois amigos, um século de música”, de Caetano e Gil, e “Teresa Cristina Canta Cartola”. Editou o clipe "Bicho Burro, da Banda Dônica, dirigido pelo francês Vincent Cassel e os DVDs “Criolo e Emicida”, Caetano Veloso “Abraçaço” e “Multishow ao vivo Caetano e Maria Gadú.” E produziu e editou um clipe para a ONG americana Rainforest Aliance, com a participação de Caetano Veloso, Lenine, Criolo e Emicida. É um dos sócios da produtora MOA Filmes.

 

Informações para a imprensa:

Marina Santa Clara Yakabe

imprensa@laboratoriofantasma.com